Hidrosul

Total: R$ 0,00

blog

Qual é o melhor sistema para aquecimento de piscinas?

Postado em 11 de de 2018 -

É recomendável você começar a pensar em colocar um sistema de aquecimento em sua piscina, pois assim você consegue aumentar o seu tempo de utilização. Segundo dados da Revista Piscinas & afins, na região sudeste do Brasil, uma piscina sem aquecimento tem uma ocupação média de 6 meses por ano e aqui na Região Sul do Brasil essa ocupação cai para 4 a 5 meses por ano.

E o interessante é que para aquecer uma piscina existente, praticamente não há necessidade de modificação na estrutura da piscina e do sistema hidráulico, gerando um baixo custo para torná-la utilizável também na primavera e outono.

 

Conheça os sistemas de aquecimento mais usados em piscinas

Os sistemas mais utilizados são o gás - natural ou gás GLP - , bombas térmicas,  solar e os elétricos resistivos. Vamos explicar cada um deles para que você possa escolher o que mais se adequa a sua piscina e ao seu orçamento.

Aquecedor a Gás

Em geral, os aquecedores a gás têm seu funcionamento através de uma operação de queima, produzindo uma chama com alta temperatura que atinge um trocador de calor do aquecedor por onde circula a água da piscina.

A operação de queima é bem parecida entre o aquecedor a gás natural e o aquecedor a gás GLP, porém eles possuem características diferentes.
A vantagem deste tipo de sistema é que ele é eficiente independentemente das condições climáticas, saindo na frente em relação aos aquecedores solares e as bombas de calor. Além disso, o preço de aquisição deste tipo de sistema é baixo e o de instalação no caso do gás natural, também pode ser considerado baixo.  
Já entre as desvantagens estão que este tipo de sistema é ecologicamente incorreto e o custo operacional é considerado alto.

Elétricos Resistivos

O aquecedor elétrico resistivo tem seu funcionamento por uma corrente elétrica, que passa por uma resistência produzindo o calor e este irá aquecer a água que circula por uma serpentina do aquecedor.

Entre suas vantagens estão o baixo custo de aquisição e instalação, porém apresenta um alto custo operacional e é recomendada apenas para spas e piscinas de pequeno porte.

 

Bombas térmicas

Assim como os Elétricos Resistivos, o aquecedor bomba de calor também tem sua fonte de energia a energia elétrica. Porém, a bomba térmica é um sistema de refrigeração semelhante ao da geladeira, mas utiliza o calor ao invés do frio.

Esse sistema tem um baixo custo operacional se comparado aos aquecedores a gás e elétrico resistivo, é ecologicamente correto e o ar frio produzido pode ser usado como ar condicionado. Entretanto, seu desempenho depende muito das condições atmosféricas e da temperatura em que a água se encontra, podendo não aquecer a água de forma efetiva no inverno.


Solar

No sistema de aquecimento solar a radiação do sol irá incidir em placas e aquecê-las. E o aquecimento se dá com a água circulando no interior dessas placas ou passando em tubos, aderidos as mesmas que passam o calor para água da piscina.

A vantagem deste sistema é que ele é ecologicamente correto e possui baixíssimo custo operacional. Já entre suas desvantagens é que esse sistema necessita de grandes espaços e sua eficiência está altamente relacionada ao tempo.